08 julho, 2008

CAORG - Atelier de Tecelagem



No passado dia 21 de Junho, com a presença do Sr Presidente da Câmara Municipal de Alcanena e restantes vereadores bem como do executivo da Junta de Freguesia de Minde, abriu, em Minde, o Atellier de Tecelagem Tradicional.

A preservação da nossa cultura passa pela transmissão de conhecimentos às gerações actuais e futuras da actividade artesanal que foi a principal fonte de rendimento
das famílias da nossa terra, durante décadas.
O atellier, apesar de ser um espaço pequeno, alberga os principais “equipamentos” que permitem urdir uma teia, fazer as meadas e as canelas, tecer uma manta, cardá-la
e cozer-lhe as bainhas. Num futuro próximo, serão divulgadas outras iniciativas no âmbito desta actividade, permitindo aos nossos conterrâneos que ainda se sintam com coragem, relembrarem o seu trabalho na juventude. Para além disso, conta com diversos
painéis ilustrados que descrevem, de forma resumida, o processo e a história da Manta de Minde.

A direcção do CAORG, tendo como um dos seus objectivos esta actividade, organizou este dia de Festa, ao qual o maestro João Carlos Gameiro chamou – “ o dia da Manta “.
Após a inauguração oficial, pelas 17h30m, seguiu-se um espectáculo no Cine-Teatro Rogério Venâncio, onde foi apresentado um momento de dança com figurinos dos padrões da Manta, dois pequenos momentos de teatro, em “Minderico “ participados por duas gerações: os jovens de 20 anos e os seus avós, onde se retratou uma feira no Alentejo vendendo-se as Mantas e, por fim, apresentaram-se os coros do CAORG e o coro Art de Telheiras, em Lisboa.
A Festa terminou com os participantes e todo o povo presente a cantar “ Mantas da Nossa
Terra”.
In "Jornal de Minde, edição de Junho

2 comentários:

Anónimo disse...

É isto o museu do textil? Quanto pagam de renda?

pm disse...

Não é museu, chama-se ATELIER DE TECELAGEM e é maior que o anterior.

Talvez o anónimo tenha uma melhor solução. Estou convencido que o CAORG agradece.