02 setembro, 2009

O desleixe total




Sob o título "O sorriso anda rasteirinho, mas continua de pé", já em 23 de Maio, publiquei neste blog um post sobre o estado de degradação de algumas placas de boas-vindas nas entradas de Minde, com o "Sorria, Você está em Minde". Na altura, a placa da foto (descida da Serra de S. António) estava caída e eu endireitei-a para lhe tirar a foto acima, na esperança de que alguém tomasse providências e a mandasse arranjar.

Na passada 2ª Feira tornei a passei no local e verifiquei que ninguém liga a nada e já nos mandaram novamente o sorriso abaixo. A placa lá se encontra caida na beira da estrada, talvez até que enferruge completamente ou alguém a aproveite para colocar nalguma das barracas que começam a surgir na beira do Polje de Minde.

É a degração total.
Bastava uma simples soldadura dos pés e a placa continuaria de pé.
O mesmo caminho deve levar algumas das outras placas cujas estruturas estão a ficar ferrugentas por falta de uma pintura de manutenção.



Se por um lado nos vão mandando o sorriso abaixo, por outros temos de dar uma gargalhalha ao ver passar o catrepiler da Junta de Freguesia.

Damos uma gargalhada mas logo abanamos a cabeça pelo ridículo da situação. Um carro de trabalho pertencente a um organismo oficial, como é o caso da JFM, anda em serviço por toda a freguesia com aquelha palhaçada, que até tapa a sinalização obrigatória, é ridículo. Mais parece um circo, e dos fatelas.



Esta, e muitas outras, são situações que me envergonham a mim como cidadão, mas parece que não incomodam nada este Presidente da Junta, que recebe ordenado, e que não cumpre minimamente o seu dever. Depois, vêm as eleições, recandidatam-se e ainda têm o desplante de falar que Minde tem de se voltar para o turismo.

Se é isto que os Mindericos querem para o futuro de Minde, só me leva a pensar que andamos todos doidos e marimbando-nos para a terra em que vivemos, ou eu cada vez estou mais desintegrado do contexto de Minde. Em quase meio século de vida nunca vi Minde tão sujo e tão desleixado.

Já agora, aqui fica mais uma foto da nojeira em que se encontra a paragem dos autocarros no mercado, onde uma lata de tinta e três horas de trabalho resolviam o assunto.
Mas há mais. Muito mais. Algumas fotos até tenho vergonha de publicar aqui e dizer que esta é a minha terra.

HAJA BRIO E JUSTIFIQUE O ORDENADO QUE GANHA, SR. PRESIDENTE !
Não nos basta que vá pagando uns copos a este e aquele. É preciso trabalhar, e o seu trabalho é cuidar da Freguesia de Minde, sendo que a Freguesia não é só o espaço envolvente da sua casa que tão cuidadosamente mandou arranjar.



41 comentários:

Anónimo disse...

Se fosse a placa do caminho para o Covão ou um buraco na rua do JJ talvez o Fresco já a tivesse visto. Esta placa está assim há seis meses e até já apareceu no Jornal de Minde.
Falta vergomha na cara destes senhores.

luisfi disse...

Não entendo qual a tara de certos xarales contra o covão. O covão é uma aldeia da freguesia nem mais nem menos. Este anonimo deve sonhar com o Covão. Fique sabendo que gente tão diminuta como o senhor provocam divisões e enfraquecem a freguesia.

Anónimo disse...

Os senhores que gerem este site que se intitula de Minde on Line, deviam dar um "novo rumo" á sua linha editorial, e em vez de passar a vida a caçar assuntos mesquinhos e sem real interesse para o desenvolvimento sócio-económico da vila, devia sim procurar unir todos os mindricos e encontrar conjuntamente soluções ou alternativas para podermos enfrentar toda esta crise com outra prespectiva, deixem-se de politicas e apresentem propostas concretas...

Anónimo disse...

Não é tara contra o Covão, nem nada parecido. É apenas uma piada por o Fresco não conhecer mais nenhum caminho a não ser este. Podia ser outro.

PM disse...

Para o anonimo mais acima:

Os senhores que gerem este blog têm um nome e assinam, que é coisa que o senhor nem tão pouco tem "tomates" para o fazer.

Os conteúdos quem os escolhe somos nós. Se não gosta não leia, e já que é tão activista, é fácil criar o seu próprio blog com as tais ideias de desenvolvimento económico. Força !!

PM disse...

Adenda ao m/ comentário anterior:

E já que pensa que estes são assuntos mesquinhos e sem real interesse (talvez a si não lhe convenham) sugiro que faça uma visita aos sites oficiais da Câmara Municipal e da Junta de Freguesia, ou então aos sites de alguns partidos políticos onde até tem filmes com candidatos eufóricos de braços no ar a dizer que o concelho os merece.
Talvez aí fique esclarecido, porque esses é que são os locais onde devem aparecer essas tais propostas.

Se pensa que é a sociedade civil ou o Minde-Online a resolver os problemas do concelho, está um pouco equivocado. Exija isso aos políticos.

Anónimo disse...

Agora o que está na moda é deitar abaixo o "Fresco", mas esquecem que foi ele e a sua equipa que saldou muitas das divídas e das loucuras do anterior presidente, apoiado agora como se fosse um rei por esse Novo Rumo, ao que parece de novo não tem nada, pois querem tornar a repetir erros do passado, a memória é mesmo curta!!!

Anónimo disse...

Já que pagou assim tantas dívidas, ele que mostre as contas. Teve 4 anos para o fazer e agora é que vêm com essa música. E não esqueçamos que o tesoureiro do Pires é o actual presidente da assembleia.

wolfinho disse...

Para quem tem memoria curta aqui vai.

As tão apregoadas dividas que o presidente da junta fala deixadas pelo anterior executivo, são, eram ou por outra, foram (pareco o Evaristo a falar no pátio das cantigas)dividas assumidas pela câmara, que se as tem pago a tempo e horas conforme compromisso assumido não chegariam a ser dividas.

Para quem tem memória curta faça como eu, informes se com o tesoureiro da época (actual presidente da assembleia de freguesia) que ele certamente fará a gentileza de o esclarecer.

luis filipe vieira disse...

depois de uma conversa com o presidente da jfm foi me dito que a gestão dos dinheiros publicos por parte do senhor Pires foram um escandalo desde jantaradas no valor de quase 10000 euros no mandato e dinheiros pagos sem facturas etc...
Facto é que esse mesmo Sr. pires prometeu a mim e ao clube socio cultural no seu bar, pagar a obra de vedação do nosso ringue e depois de começar a obra e de ter dado 1000 euros disse que não tinha capacidade financeira para pagar o resto ou seja 5000 euros. qual é o crédito desse sr.? para mim e muitos do Covão nenhum.

Anónimo disse...

De qualquer forma, o que deverá acontecer com a lista que ganhar a eleição para a assembleia de freguesia de Minde será ordenar de imediato uma auditoria às contas, negócios e procedimentos da junta de freguesia de Minde.

As contas têm de ser claras e transparentes. Os negócios têm de ser todos conforme à lei, bem explicadinhos e bem justificados. Os procedimentos têm de ser justos e equitativos e, muito importante, iguais para todos.

Em Minde temos de deixar de ver discutidas no café e na rua as contas e negócios da Junta, sem ninguém fazer a mínima do que se anda a falar. Mancham-se os nomes das pessoas e a honorabilidade das instituições com boataria e diz que disse com pouco ou nenhum fundamento.

Temos de acabar de falar de negócios e negociatadas que ninguém sabe exactamente como se passaram (este ano nesse assunto teremos, com razão penso, as eólicas).

Temos de acabar de falar "de cor" acerca de pessoas que saíram da Junta (quer eleitos, quer funcionários), imputando-lhes cobardemente responsabilidades em factos passados da Junta. Sem nada estar assumido e sem haver nada mais que conversas dispersas em cafés.

Essa palhaçada tem de acabar!

Doa a quem doer, quem entrar para a Junta de Freguesia de Minde deverá de imediato analisar contas, negócios e procedimentos.

E publicá-las e mostrá-las à população.

assin: membro de uma lista à Assembleia de Freguesia de Minde

Anónimo disse...

...Volta Luis Pires, tás perduado!!! esta junta é a vergunha da freguesia!!!!

Anónimo disse...

Sr Luis Filipe
O que o actual presidente da junta se esqueceu de dizer foi que no último ano de mandato o Azevedo tirou o tapete ao Pires e não enviava o cacau para Minde, conforme lhe prometeu.

Também o que o actual presidente não lhe falou foi dos centenas de contos de bordados que a junta tem gasto na sua propria fabrica, das iluminações de natal encomendadas aos amigos da terra dele, do tractor que diz que conprou e foi oferecido, etc. etc.

Será melhor ficarmos por aqui, pois esse tal senhor Fresco vai ter nuito que explicar, mas é das contas dele, em vez de falar das contas de há 4 anos. Na altura não tinha boca, agora, que não fez ponta de corno é que vem com essas azias a desviar atenções. Pela boca morre o peixe!!!

PM disse...

Sou membro da lista do NOVO RUMO candidata à Assembleia de Freguesia de Minde e comungo do mesmo raciocinio do comentário mais acima:
TRANSPARÊNCIA TOTAL NAS CONTAS, doa a quem doer. E tudo publicadinho como mandam as normas.
Se chegar a ser eleito, podem ter a certeza que me debaterei para que tal aconteça. Só com transparência se conseguirá o crédito dos cidadãos, e só com rigor se consegue uma boa gestão da freguesia.
Nada disto tenho visto ultimamente.

PS:
Se a actual Junta de Freguesia tivesse igual procedimento de transparência, certamente muitos destes comentários e conspirações não teriam razão de existir.

Anónimo disse...

Acho vergonhoso o Senhor Luís Filipe vir afirmar estas coisas sem qualquer fundamento. Por estas e por outras é que a política está como está. Se fosse visado, o Senhor responderia em Tribunal. Sem grande stress. Poderia demorar muitos anos mas V. Exa. acabaria por publicar um pedido de desculpas e por me pagar uma indemnização qualquer.

O Sr. FResco é um cobarde que apenas solta injúrias. O tesoureiro do Sr. luís Pires foi o Presidente da Assembleia do Sr. fresco. Perguntem-lhe o que ele acha e sabe disto.

O Senhor Luís Filipe afirma que foi o Senhor fresco que fez essa afirmação. Por essa afirmação esse Senhor vai responder e se o negar será feita uma acareação consigo.

Numa Assembleia de Freguesia nos próximos tempos essa questão será esclarecida.

Estamos fartos de diz que disse.

Anónimo disse...

este tractor da junta está um mimo.
aproveitem-no para o toucaneura

wolfinho disse...

De toda esta peixeirada a única pessoa em quem confio para me explicar as contas (e já me explicou) é o tesoureiro da época actual presidente da assembleia de freguesia.

Como já acima referi, falei com ele e foi-me explicado que se a Câmara tivesse honrado os seus compromissos essas dividas não teriam existido.

E digo mais, se agora a direcção a que presido na Casa do Povo saísse, a nova direcção poderia dizer que encontrou dividas e elas só existem porque a Câmara não cumpriu com os seus compromissos com a Casa do Povo.
Com este exemplo espero que o memória curta e o sr. Luís Filipe Vieira consigam perceber o que custa governar colectividades e instituições publicas quando a Câmara não honra os seus compromissos.

luis filipe vieira disse...

Espero que esse senhor anónimo que me quer fazer a acareação se identifique na hora de a fazer, porque todos os meus comentarios são e serão sempre assinados.
Também não se esqueça que quando apurar os factos pode ser que se descubra ainda mais que aquilo referido sobre o Sr. pires...
Coisas que a Inspeçao Geral da Administraçao Local (IGAL), a Dirreçao Geral das Autarquias Locais e a Autoridade Nacional de Combate a Corrupçao - brigadas autarquicas poderiam estar interessadas em saber.

wolfinho disse...

Quanto ao facto do executivo camarário faltar às promessas nem uma palavra.

Você deve ter um pires atravessado na garganta.

luis filipe vieira disse...

sr. Wolfinho, eu sei o que é estar na direcção de uma colectividade e dependente de terceiros para realizar projectos uma dessas ocasiões foi precisamente uma promessa não cumprida pelo Sr. pires que nos deixou numa posição bastante delicada e só não deu em dividas porque paramos a obra e arranjamos a quantia para pagar o que estava feito.Entendo que o não cumprimento por parte da camara poderá ter condicionado muita coisa durante o mandato de sr. Pires e que algumas falhas são imputaveis a camara, mas ponha-se na minha situação ter que depois justificar aos socios da colectividade em questão um recuo por parte da junta e o não cumprimento da obra.

Municipe Atento disse...

Caríssimos, com um simples requerimento na próxima assembleia de freguesia, pedir o relatado referenciado aos anos em questão e remeter às entidades respectivas. Podem ter a certeza que os processos nesta fase eleitoral andam um pouco mais rápido. Fala quem sabe. Quanto às falhas do executivo Camarário, são demasiadamente evidentes, mas a todos os níveis. Muitos dos que agora criticam foram os que os lá puseram e com maioria. Deixo outro alerta, caso entendam conveniente, na semana da assembleia de freguesia, com um simples telefonema para o Piquete da ANCC da Policia Judiciária, podem requisitar uma brigada para em sede de Assembleia de Freguesia proceder à recolha de informação. Fácil, simples e transparente! Querem exemplos??
Sr.Luís Filipe, tudo o resto é bluff, mas que há muitos rabos de palha e telhados de vidro, isso pode ter a certeza. Fresco, falhaste redondamente por não teres pedido inspecção rigorosa à Junta quando entraste.

Anónimo disse...

ahahaah. boa!

meu amigo, se sabe tanta coisa, meta a boca no trombone.

denuncie. tenha coragem.

uma coisa é certa: V. Exa. e o Senhor Fresco estão com medo da auditoria exaustiva que irá ser feita à Junta de Minde.

também nos poderiam dizer porquê...

está muita coisa por explicar do "reinado" do Sr. Fresco.

é no interesse de todos, a começar por ele mas principalmente de todos os cidadãos da freguesia, que tudo seja esclarecido.

tudo, sem excepção!

Anónimo disse...

Ora, então quer-me dizer que é culpa da Junta?!

Sinceramente...!

E que tal ir-se queixar ao Azevedo e ao Marcelino? Ou ao Fresco.

Porque é que anda aqui com sermões encomendados por outras pessoas?

O Fresco deu muito à sua Colectividade neste mandato...?

wolfinho disse...

Essa sua situação compreendo-a bem, alias estou a passar por ela.
Promessas feitas pela CMA e não compridas (já com barbas) fazem com que tenhamos que repensar certos investimento que estavam para ser iniciados em setembro e vão ficar na gaveta à espera que o sol veja a cor do dinheiro prometido.

PM disse...

Penso que neste post, sem querer julgo que apaguei (não o vejo em lado nenhum) um comentário anónimo, nada ofensivo, e que dizia mais ou menos isto:

O IFM fundiu-se com os ICAs. Reparem que o nº 5 dos ICAs era o antigo cabeça de lista do IFM.

contabilista disse...

O joão josé, vendo que em minde já se apreceberam da sua fome e ganãncia de poder, está a vender a freguesia de minde ao covão do coelho em troca de votos, que lhe garantirão o chorudo ordenado, a reforma, e outras coisas mais, e o fresco quer do mesmo. São dois sócios a quem o desenvolvimento de minde e da freguesia pouco interessam.
Basta olhar para a lista da freguesia dos icas para chegarmos a essa conclusão.

Por minde não fez nada em oito anos, agora joga duplo no covão. O fresco joga com uma lista recheada de malta do covão e gente de minde manobrável, e para retirar votos á asseiceira, o jj investe no psd, sem perder a camada segura dos icas.
Nada mau para quem diz que ele não precebe nada de politica.
Depois chega a minde e diz: ninguém gosta mais da minha terra do que eu. Louvável

Anónimo disse...

O IFM fundiu-se com os ICA's. Os membros do IFM enganaram a população e venderam-se descaradamente ao Fresco. Governaram durante 4 anos a Junta em conjunto com o Fresco, formando uma maioria de votos nessa assembleia.

O n.º 5 dos ICA's à Junta este ano é o antigo cabeça-de-lista do IFM.

IFM = ICA

luis filipe vieira disse...

não sei o que o IFM pinta aqui?
Não nos vendemos a ninguém.
penso que mais importante que isso é lutar cada um na sua ideologia politica para por na junta pessoas que consigam fazer-se ouvir na camara e que representem o interesse dos habitantes de TODA a freguesia, sejam transparentes e empreendedores.
temos de lutar todos para uma freguesia mais forte e não dividir-la como parece ser o interesse de certos xarales.

PM disse...

Tem razão, caro Luis Filipe. O IFM já lá vai, e acrescento que a m/ referência no meu comentário anterior apenas se baseou no facto de inadvertidamente o ter apagado. Posteriormente, julgo que o seu autor o voltou a publicar.

Mas, também é de salientar, que as pessoas não são cegas e têm cabeça e liberdade para pensar.
E também lhe digo, já cá ando há uns anos, e não basta a teoria de por pessoas na Câmara. E algumas já as conhecemos.

No último mandato a Freguesia de Minde dispunha de 2 Vereadores Executivos num elenco com maioria, (+ 1 na oposição), um Presidente da Assembleia, e uma Junta de Freguesia com a mesma conotação política.
Viu grandes progressos da Freguesia?

Anónimo disse...

Quem parece querer dividir a freguesia em prol de interesses pessoais são algumas pessoas do Covão. Basta passar pelo blogue do Covão do Coelho e ler as contradições.
Nem mesmo sendo apoiantes do PSD fizeram ainda qualquer referência a nº 2 que é de Minde.

Anónimo disse...

Afinal qual é a sua sr. Luis Filipe Vieira. Num dia escreve uma coisa e noutro escreve outra?

Luis Filipe Vieira disse...
não vejo o problema de haver tanta gente do Covão e vale Alto não fazem parte da freguesia de Minde?
Vejo que alguns mindericos não aceitam pessoal de "fora" pois o Covão não se importava nada de estar fora dessa freguesia, mas isso também não é bem aceite por esses Mindericos. Este ano ficamos assim e daqui 4 anos pode ser que o IFM ressurja das cinzas e vos garanto que se o pessoal do Covão e do Vale Alto se unir e votar em massa numa lista conjunta a junta de freguesia de Minde tem fortes possibilidades de saltar para a sua tutela.
portanto antes destes comentarios facciosos pensem na realidade da freguesia e não se este ou aquele é ou não é de minde, acordem....

01 Setembro, 2009

luis filipe vieira disse...

A minha resposta tinha um contexto Sr."estou escondido atrás do anonimato" não deturpe as palavras e amor com amor se paga a facciosismo respondo com facciosismo. o covão e a propria freguesia está farto de gente como o senhor sempre a criarem intrigas onde não as há. Seja Proactivo ajude a sua terra para isoo só precisa de fazer uma coisa..... calar-se

T.C. disse...

Pois Luís Filipe, mas isso é mentira.

E tu sabes bem que isso é mentira. Quem ajudou efectivamente a resolver o problema do Centro de Saúde de Minde, quer gostes ou não, foi a Fernanda Asseiceira.

Felizmente, há muita gente em Minde que sabe o que se passou e sabe que é verdade. Inclusivamente, os vereadores Ica também sabem o que se passou e acharam deplorável o comportamento da Ana Cláudia. Isto dito por dois deles em Minde.

O que o PSD fez foi de uma baixa política inadmissível. O que surpreendeu mesmo muita gente foi como é que algumas pessoas acreditaram nessa história e como é que as pessoas do PSD de Minde tiveram o descaramento de assumir aquilo em seu nome…

O comunicado efectivamente não assumia nenhuma responsabilidade na resolução do caso para o PSD ou para a Ana Cláudia. Mas induzia a isso, o que somado ao facto de terem havido pessoas do PSD a espalhar isso por Minde... É baixa política à grande.

Já se percebeu que o jogo este ano do PSD é andar com essa estratégia, que já é velha e vem do guião da Ana Cláudia, a grande mentora do PSD Alcanena/Minde.

Mas o povo de Minde não esquece e sabe bem que a malta do PSD de Minde não é de fiar. Por estas e por outras estão neste momento marcados em Minde como traidores e vira-casacas e são motivo de escárnio em muitas casas e cafés.

No concelho essas características já eram conhecidas, principalmente por causa da Ana Cláudia.

E os PSD’s no Covão vão pelo mesmo caminho, não sei se mandados pelo João Paulo Afonso ou pela Ana Cláudia. Achas normal o Tó Castanheiro abrir um blog em que prefere apoiar o Fresco do que ser objectivo e honesto, apontando o que está mal e o que é necessário corrigir? Eu pergunto-me então para que é que o PSD apoia o Novo Rumo… É para estarem de bem com Deus e com o Diabo, passe a expressão…?!

A conclusão disto é que este Tó Castanheira deve ter estudado na mesma escola da Ana Cláudia e do João Paulo Afonso…

luis filipe vieira disse...

Sr. TC essa é a sua opinião e já vi que não vale a pena estarmos aqui a tentar explicar o que parece obvio: nenhum partido teve voz activa na resolução do problema.
Sobre O Eng. Joao Paulo tive o prazer de conhece-lo devido ao projecto PSD/CDS e parece-me uma pessoa capaz de ajudar a sua terra e não denoto nele qualquer jogo maquiavelico contra quem quer que seja. Pessoas com o João Paulo e o Beto têm poucas em Minde o que é uma pena, são pessoas racionais e que efectivamente lutam pela sua terra.
sobre O eng. Antonio Castanheira não lhe reconheço essas tais estrategias negativas. È sim uma pessoa integra que quer ajudar a sua terra e fa-lo com um know-how autarquico que ultrapassa em muito qualquer pessoa da nossa freguesia.
Para terminar uma pequena informação o projecto não ´só do PSD é tambem do CDS por esse motivo estou nas listas sendo filiado a mais de 25 anos primeiro na JC e depois no CDS-PP.

Anónimo disse...

Caro Luís Filipe,

Deixo-lhe, a si e ao PSD do Covão (tó castanheira), estes 2 ditados:

Presunção e água benta, cada um toma a que quer...

Elogio em casa própria é vitupério...

Anónimo disse...

não percebo porque é que se o tó castanheira tem o maior know-how autárquico do concelho vai apenas em 4º e foram buscar para cabeça-de-lista uma desconhecida do Entroncamento, que trabalha num banco...

Anónimo disse...

O eng. António Castanheira é... com um know-how autarquico que ultrapassa em muito qualquer pessoa da nossa freguesia. ?????

Este texto abaixo publicado no seu blogue revela uma inteligência suprema, só possível num super iluminado com a solução para salvar o nosso concelho.



E o burro sou eu?
Vários visitantes pediram que publicasse uma situação, que até é verdade e faz de nós todos autênticos burros. A situação que se verifica, é que em determinadas estradas existe alcatrão, estradas estas que beneficiam apenas animais, nomeadamente cabras, vacas, ovelhas, galinhas, perús e alguns burros. Nas mesmas vias alcatroadas, que servem estas ilustres personalidades, devido ao seu estatuto social, também se colocou iluminação pública. É verdade! Tudo isto para servir animais e alguns burros!
Noutros locais, onde vivem pessoas, onde existem habitações, onde há contribuições em dia, não há alcatrão, nem iluminação pública. Todos nós podemos constatar isto. Porque será? Quais os critérios? E o burro sou eu???

luis filipe vieira disse...

quando me refiro ao know-how do Eng. Antonio Castanheira quero dizer que é uma pessoa que pode solucionar problemas devido a conhecer as questões tecnicas dos mesmos e as soluções mais adequadas.
Já cheguei a conclusão que qualquer comentario cria duvidas,polémica, desconfiança será por ser do Covão?
Sendo assim deixo-vos debater este circulo de opinião entre anonimos que não dão a cara e que nunca poderão ser acusados de nenhum comentario infeliz.

Músico disse...

Para o PM ler:
Acho bem que exista transparência nas contas tanto na Junta como na Câmara e porque não no Jazz Minde? Isto dá vontade de rir! Estava uma terra bem entregue! Qualquer dia ainda via Minde ser vendido. Por sorte pouca gente vota Novo Rumo.

Anónimo disse...

Se na tua vida te preocupares com essa da vergonha de "bonecos" na viatura da junta acho que devias te candidatar.. Estava garantido no lugar do Fresco.

Anónimo disse...

Depois de ler com atenção alguns destes comentários, parece-me claro que alguêm aqui se esqueceu de que o Sr. Fresco, foi na altura do mandato do Sr. Luis Pires , Presidente da Assembleia de Freguesia,sempre que se propunha alguma votação o Sr, Fresco votava sempre a favor, acenando, e bajulando com todo o executivo ou seja comeu no mesmo prato, dormiu na mesma cama e agora cospe no prato onde comeu , INGRATIDÃO
Por iss me leva a responsabi lizar o Sr, Fresco como co-responsável pela possiveis dividas herdadas, Só nessa altura não apareceram facturas de bordados debitados a 1.50 € quando qualquer fábrica em Minde debita os mesmos bordados a 0.80 €.
Acreditem naquilo que vos digo pois sempre estive lá para ver,
Já agora se duvidam das votações consultem as actas das Assembleias de Freguesia da altura.